REGIONAIS | ANTIGA RODOVIÁRIA

Prédio histórico de Cajazeiras está isolado por conta de infiltrações
Herdeira diz que decisão foi acertada para não colocar em risco a vida das pessoas que trafegam pelo local.




Reprodução

O comandante do 5° Batalhão de Bombeiros Militares de Cajazeiras, tenente-coronel Edênio Mendes, em participação no programa Olho Vivo, deu informações sobre o isolamento do prédio da antiga rodoviária no Centro de Cajazeiras, que ocorreu nesta quarta-feira (08).

Segundo o comandante, o Corpo de Bombeiros teria recebido uma denúncia de que o prédio estaria com sua estrutura comprometida por algumas infiltrações.

Chegando ao local, os bombeiros constataram a veracidade das infiltrações e juntamente com um engenheiro da prefeitura fizeram uma vistoria que mostrou perigo de desabamento do prédio, que necessitou ser isolado.

“Nós recebemos a denúncia de que o prédio estaria com a estrutura comprometida e ao chegar ao local constatamos as infiltrações. Também foi denunciado à prefeitura, que com um engenheiro fez uma vistoria e decidiu-se que o local deveria ser isolado”, disse o comandante.

Devido às fortes chuvas que estão ocorrendo nesses dias, tenente-coronel Edênio Mendes diz que isolar o prédio foi a melhor decisão para que não ocasione nenhum incidente. Ele afirmou que a proprietária teria sido notificada e que será necessário fazer reparos para garantir a segurança das pessoas que transitam no local.

Sobre os ricos que a estrutura pode apresentar, o comandante diz que durante o período das chuvas os riscos são maiores e ressalta a importância de respeitar os limites do isolamento.

“O risco é que as pessoas não respeitem o isolamento. A estrutura precisa ser reparada, principalmente em virtude das chuvas, pois se chover a situação ficará agravada com risco de acidentes”, afirmou o comandante.

Posicionamento da proprietária 

Ao Diário do Sertão, a corretora de imóveis Andrea Lopes, uma das herdeiras do prédio que pertenceu a seu pai, o empresário Raimundo Ferreira (in memorian), disse que não foi notificada do isolamento do prédio pela prefeitura, porém ela concordou que nesta época de chuvas, e por apresentar falhas em sua estrutura, a medida de isolar o imóvel foi acertada com o propósito de não colocar em risco a vida das pessoas que trafegam pelo local.

Christiano Moura é paraibano de Cajazeiras, lá no extremo oeste do Estado. Jornalista, radialista e multimídia, foi colaborador de emissoras de rádio locais, editor de arte do Gazeta do Alto Piranhas e diretor da revista Oba!, quando foi um dos pioneiros da blogosfera local. É titular da Farol Comunicação Integrada que, desde 2002, presta serviços em comunicação a diversas empresas e órgãos públicos da promissora região sertaneja.




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM