ELEIÇÕES 2020 | ELEIÇÕES 2020

Justiça manda retirar propaganda com ataques a Tyrone
A decisão determina a retirada da propaganda eleitoral do adversário com conteúdo considerado 'calunioso' e estipula que em caso de descumprimento, a emissora terá os serviços suspensos pelo prazo de 24h, além de multa no valor de R$ 10 mil para cada veiculação.




Reprodução

O juiz Agilio Tomaz Marques, responsável pela 35° Zona Eleitoral do Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba (TRE-PB) deferiu o pedido de liminar registrado pela coligação do candidato a prefeito de Sousa, Fábio Tyrone (Cidadania) para a retirada de uma propaganda eleitoral veiculada pelo adversário Leonardo Gadelha (PSC) que foi ao ar no último dia 14. O ClickPB teve acesso com exclusividade a decisão publicada nesta quinta-feira (15) pelo TRE-PB.

 
A decisão determina a retirada da propaganda eleitoral do adversário com conteúdo considerado 'calunioso' e estipula que em caso de descumprimento, a emissora 'Sousa FM' terá os serviços suspensos pelo prazo de 24h, além de multa no valor de R$ 10 mil para cada veiculação.

De acordo com o juiz, fica proibida a veiculação da propaganda nas inserções junto à rádio local da cidade. "Intime-se à emissora geradora, informando quanto à liminar ora expedida, para não veicule a inserção do dia 12 de outubro de 2020, a partir das 07:05:15, e das 12:05:15, sob pena de multa no valor de R$ 10.000,00 por cada divulgação da propaganda eleitoral irregular", determinou.

 
Ainda segundo o magistrado, em caso de descumprimento a emissora terá os serviços suspensos pelo prazo de 24h, nos termos do artigo 81 da Resolução nº 23.610/20. 




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



ELEIÇÕES 2020  |  28/10/2020 - 15h

Sousa - PB
 




ELEIÇÕES 2020  |  25/10/2020 - 06h

Sousa - PB
 

ELEIÇÕES 2020  |  23/10/2020 - 11h

Sousa - PB
 






google.com, pub-3622982186074943, DIRECT, f08c47fec0942fa0