POLÍTICA E ATUALIDADE

Coluna 'Faisqueira' - 29/nov - confira
Edição de 29 de novembro de 2019.
POLÍTICA30/11/2019 06h05Atualizada em 30/11/2019 06:11 Por: Fabio F Barbosa Fonte: Gazeta do Alto Piranhas






Vandalismo cego Roubaram
Os óculos do busto de bronze de Ivan Bichara Sobreira, inaugurado no dia 24 de maio do ano passado, na Avenida Presidente João Pessoa, em homenagem ao centenário de seu nascimento. Lamentável sob todos os aspectos. Os óculos que sempre usou era a marca mais forte e expressiva de seu rosto. Quanto valeria no ferro velho estes óculos? Talvez o valor de uma pedra de craque, mas para Cajazeiras tinha todo o valor de sua história e de seu grande legado.

No estaleiro
O professor José Maria Gurgel assinou a ata de posse de renovação como membro da Diretoria do PT de Cajazeiras, neste últi mo dia 20 de novembro, deitado num leito do Hospital Regional de Cajazeiras e na fotografia que registrou o fato, expôs o rasgão da cirurgia, pegando da titela até o umbigo, igual a de Bolsonaro. Zé Maria está em franca recuperação.

Em alta
O nome mais comentado nos últimos dias como candidata a prefeito pelas oposições, em Cajazeiras, foi o da ex-prefeita Denise Albuquerque, até mesmo entre os mais íntimos do grupo Carlos/Denise. Não se sabe ainda as razões,já que o nome mais cotado é o do médico Carlos Filho.

Novo ataque
Ojornalista Fabiano Gomes voltou a fazer duras críticas ao deputado estadual Júnior Araújo, desta vez chamando-o de traidor e ingrato. Os pobres mortais não sabem ainda quais as "verdades que existem nos bastidores desta "encrenca".

A cria e o criador
Nesta "briga" entre Fabiano e Júnior Araújo, o mais estranho é o silêncio ou não interferência de Carlos e Denise, de quem Fabiano diz ser e chama-os de "painho e mãeinha" e a própria Denise o tem "como Filho". Este fato leva a muitas indagações.

Independência
O deputado estadual Júnior Araújo já teria sido "sondado" inúmeras vezes pelo seu colega de assembleia, Jeová Campos, para ser candidato a prefeito de Cajazeiras e o vice seria Marquinhos
Campos, que é irmão de Jeová. Tem gente acreditando cegamente que as razões das "bordoadas" de Fabiano em Júnior Araújo, seriam em função desta sua "posição política". Debaixo deste prato suculento de angu deve ter mais alguma coisa.

Só rindo
Enquanto nas hostes das oposições de Cajazeiras ainda não tem um candidato definido, embora ainda exista muito tempo para esta escolha, o prefeito Zé Aldemir não tem deixado a "trincheira políti ca" um só minuto e vez por outra aparecem nas midias sociais novas adesões, com líderes, que posam ao seu lado, expondo um largo sorriso. Esó o que Zé sabe fazer com maestria.

Escombros valiosos
O terreno onde foi iniciada a construção do Hospital Municipal, obra do então prefeito Antonio Vituriano de Abreu, não entrou na relação dos imóveis que vão ser leiloados, com o objetivo de fazer fundos para o IPAM, foi riscado da lista; isto porque a empresa ganhadora da licitação e que iniciou os serviços está cobrando uma dívida milionária e que vendendo o terreno várias vezes ainda não dá para pagar. Eita desmantelo grande e já vem de longe e nunca tentaram resolver.

Sujou!
O prefeito de Bom Jesus, engenheiro Roberto Baima, brincava com dinheiro, nos últimos dias, tem dado as costas para a opoão bater: está atrasando o pagamento dos funcionários, das secretarias de administração, infraestrutura e gabinete. Explicação: os precatórios estão surrupiando o dinheiro das contas da prefeitura, mas os adversários não querem saber disso e tome-lhe cacête.

Cutucando
A deputada estadual, Dra. Paula, teria andado conversando com a viúva de Zezé de Né Gomes, ex-prefeito de São José de Piranhas, Dona Cleide, sobrea possibilidade de trazê-la para o seu projeto de candidata à prefeita de sua terra, mas Chico Mendes não teria esperado por tempo ruim e segundo Dra. Paula, o mesmo foi lhe oferecer a vaga de vice e mais uma vaga de vereador para o filho. Cada um mais esperto que o outro.

Fraude aonde?
Em nota, a prefeitura de Cajazeiras, através da Procuradoria Geral e Secretaria de Controle do município, que a denúncia de que teria havia fraude no parcelamento da dívida junto ao IPAM, é
totalmente descabida, inconsequente, teria "cheiro político partidário" e sem qualquer consistência. Ouviu o galo cantar e não sabe aonde.
 
Jornal Gazeta do Alto Piranhas. Publicidade/Redação/Assinatura/Reclamação: (83) 3531-1535 / Emal: altopiranhas@uol.com.br




COMENTÁRIOS




VEJA TAMBÉM



POLÍTICA  |  06/12/2019 - 14h





POLÍTICA  |  06/12/2019 - 14h