POLÍTICA | COLUNA SEMANAL

Coluna Faisqueira - sexta-feira 6 de março




Reprodução

Isenção
O senador Veneziano, em entrevista na Rádio Alto Piranhas, declarou que o governador João Azevedo pode ficar neutro nas cidades onde seus aliados apresentarem mais de um candidato a prefeito e citou os casos de Campina Grande e Cajazeiras. Em Cajazeiras Júnior e Jeová, até o momento apoiam candidatos diferentes e fazem parte da base aliada do governo na Assembleia da Paraíba.

Isenção II
Já o deputado Júnior Araújo tem opinião diferente do senador Veneziano. Ele defende o nome de Dra. Denise como candidata a prefeita de Cajazeiras, mas quem se opor ao seu nome será “afastado” do governo. Jeová Campos apenas sorriu ao ser questionado sobre esta opinião de Júnior. 

Convite
A Chanceler da Faculdade Santa Maria, Ana Goldfab, teria sido convidada para ser a candidata a prefeita pelas oposições, em Cajazeiras. Teria dito NÃO ao ilustre interlocutor, enquanto isto, na margem de outra rodovia, a Dirigente Mor da Faculdade São Francisco, Vera tá roendo a banda de uma rapadura para ser a candidata da cidade de Santa Helena.

É Denise
O ex-prefeito Carlos Antonio, em entrevista na Rádio Alto Piranhas, foi enfático: a candidata é Denise e aproveitou o ensejo para começar a campanha, fazendo duras críticas ao prefeito Zé Aldemir, principalmente na área da saúde, que considerou um desastre. A campanha promete grandes emoções.   

 E o fuá vai ser grande
O prefeito José Aldemir ainda não desceu do palanque que o elegeu, em 2016, e continua descendo a “macaca” em seus adversários e esta semana foi a vez do deputado estadual Júnior Araújo, que respondeu em uma rede social, sem citar o nome, mas estaria muito claro que seria dirigida a José Aldemir, chamando-o de “incompetente, desajustado, destemperado e agressor verbal contumaz”.

E o fuá vai ser grande II
Júnior Araújo foi mais longe ainda nas acusações, chegando a se entranhar sobre sua vida pessoal. A campanha ainda está em fase de escolha dos candidatos e a “temperatura” já se encontra nesta altura, imaginemos quando os palanques estiverem armados para os famosos discursos, tudo leva crer que menores de idade não vão poder participar.

Gobira
O sapateiro Antonio Gobira continua sua caminhada pela Zona Rural se apresentando como candidato a prefeito de Cajazeiras, além de está presente em cada buraco, em cada rua escura, em cada ruma de lixo e no cotidiano da cidade, fazendo denúncias e criticando a administração pública. Com o slogan “Meu nome é Gobira”, vai tentar mais uma vez.

Partido dos Trabalhadores
Não será por falta de candidato que o povo de Cajazeiras vai deixar de eleger seu próximo prefeito: O PT também terá o seu, professor Kim Alves, e começou esta semana uma campanha publicitária para ampliar seu quadro de filiados. Então, teremos cinco postulantes: Zé Aldemir, Dra. Denise, Marquinhos Campos, Gobira e Kim Alves.

A Tornozeleira
O professor Iveraldo Lucena, ex-reitor da UEPB e ex-secretário de Educação, publicou em uma rede social: “Tornozeleira – Na escravidão os escravos eram presos acorrentados pelo tornozelo. Maldade dos Senhores de escravos. A tornozeleira foi adotada para aliviar a superlotação dos presídios e dar uma oportunidade ao apenado de cumprir em liberdade vigiada  sua pena”

A tornozeleira
E prossegue: “bom para o apenado e para o sistema prisional. Agora, por inspiração da Lava Jato, ela é utilizada para humilhar e aprisionar cidadãos que sequer foram formalmente acusados e ainda não exerceram o legítimo direito de defesa e, portanto não foram alvo de sentença condenatória”

A tornozeleira
E prossegue: “Não são, pois, apenados, são pessoas livres e assim devem ser tratadas e respeitadas. A violência aos direitos do indivíduo não pode ser praticada pelo juiz a quem cabe fazer com que se exerça a justiça”.   
 

TODAS AS INFORMAÇÕES DESSA COLUNA SÃO DE INTEIRA RESPONSABILIDADE DO: Jornal Gazeta do Alto Piranhas. Publicidade/Redação/Assinatura/Reclamação: (83) 3531-1535 / Emal: altopiranhas@uol.com.br
 




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM