GENTE | NA PB

Jovem pega 44 anos de prisão por matar o pai e a madrasta
Pena deve ser cumprida em regime fechado no presídio do Serrotão. Crime aconteceu em abril de 2018.





Um jovem de 20 anos foi condenado a 44 anos de prisão por matar o pai e a namorada do pai, em Campina Grande. O crime aconteceu em abril de 2018. A decisão foi tomada nesta terça-feira (3). A pena deve ser cumprida inicialmente, em regime fechado, no presídio do Serrotão.

O G1 não conseguiu contato com a defesa do condenado até as 19h10 desta terça.

De acordo com as informações da Polícia Militar, o filho não aceitava a separação do pai com a mãe e o novo relacionamento dele com outra mulher, vítima do crime.

As vítimas foram identificadas como Francisco de Assis Santana Irineu, de 42 anos, atingindo por tiros na cabeça, e Ana Clara Nascimento Sousa, de 22 anos, atingida por três tiros no pescoço e braços.

Tanto o pai, quanto a namorada do pai do suspeito não resistiram e morreram no local, antes de serem encaminhados para o hospital.

Ainda de acordo com a Polícia Militar, o jovem suspeito do duplo homicídio morava no primeiro andar do prédio onde funcionava o bar que o pai tomava conta. O crime ocorreu no estabelecimento.

Foto: Bar onde ocorreu o crime pertencia ao pai do suspeito em Campina Grande — Foto: Reprodução/TV Paraíba






COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM