Notícias

Banner noticia interna

FATOS E BOATOS
Planalto gastará R$ 16,45 por sanduíche de mortadela em avião de Temer
PDF | Imprimir | E-mail
Qui, 29 de Dezembro de 2016 00:00

Um sanduíche de mortadela que custa R$ 16,45 é caro? Não para o Palácio do Planalto. Uma licitação para compra de alimentos para o avião presidencial tem previsão de gastos de R$ 1,75 milhão

O Palácio do Planalto abriu uma licitação para comprar comida para abastecer o avião presidencial, que serve Michel Temer e seus convidados durante um ano. O valor previsto para ser gasto, no total, é de R$ 1,75 milhão.

TemerAviao

O café da manhã de Temer no avião será incrementado. Com o nome "Breakfast PR", foram encomendados 200 cafés da manhã prontos, ao custo de R$ 96 cada, com presunto de parma e queijos brie, provolone e muçarela de búfala.

Mas Temer foi exigente mesmo com os sorvetes. Da marca americana Häagen-Dazs, foram encomendados 500 potinhos, totalizando R$ 7.500. Também pediu 50 Cornetos, 50 picolés Tablitos, 50 Chicabons, 50 Eskibons e 50 Frutillys. Foram pedidos ainda 300 picolés sem lactose.

O maior gasto, no entanto, será com tortas de chocolate. Foi pedida uma tonelada e meia de torta, ao custo total de R$ 96 mil.

A propósito, Temer deve mesmo gostar de doce. O Planalto encomendou 120 potes de Nutella, a R$ 34 cada um.

Entre os produtos especificados, estão ainda quatro tipos de açúcar, seis tipos de iogurte e seis tipos de geleia. Só de geleia, serão gastos R$ 27.500.

Com sal do Himalaia, aquele rosa, serão gastos R$ 1.600.

Mas cara mesmo está a cotação do sanduíche de mortadela. Cada unidade pedida pelo Planalto custa R$ 16,45.

O Globo

Compartilhe:

Comentário

Compartilhe sua opinião sobre a publicação. Deixe sua mensagem abaixo:

Código de segurança
Atualizar

Sua opinião é importante! Este espaço visa dar a você, leitor, uma oportunidade para que você possa expressar sua opiniões de forma coesa e clara sobre o fato abordado nesta página.

É importante salientar, que as opiniões expostas neste espaço, não necessariamente condizem com a opinião do portal COFEMAC.

 

 
01Jan 2017
antonio Adalmir Fernandes
01-01-2017 12:01
Enquanto a seca arrasa a dignidade dos nordestinos, a Presidência da República esbanja dinheiro público com o abastecimento do avião do presidente, com alimentos adquiridos por preços superfaturados e produtos de primeiríssima qualidade, sem comparação nem mesmo com o primeiro mundo, onde a despesa pública é tratada com seriedade e respeito à realidade do país, mesmo não tendo lá rombos nas contas públicas, recessão e desemprego, ou seja, crise econômica. Na realidade, o desprezo à realidade socioeconômica da nação somente acontece nas republiquetas, onde os governantes imaginam que o patrimônio nacional pertence a eles, por puderem gastar com o bom e o melhor para satisfazer os caprichos próprios do poder e da onipotência, que são inerentes a quem não tem a menor preocupação nem zelo para com a coisa pública, principalmente porque eles sabem que o povo não passa de ingênuo, em razão de permitir que os maus políticos permaneçam impolutos nos cargos para os quais tenham sido colocados exatamente pelos bestas dos brasileiros.
0 #1
 
  • PMPJM 2
  • Corretor
  • Batatinha
  • Unaclin
  • Ricardo Morais
  • Betanio
  • Tata
  • Anderline
  • Cofemac
  • Expediente
  • Anuncie
  • Contato
  • 9999---